"Acredito que arrumar a bagunça da vida é como arrumar a bagunça do quarto. Tirar tudo, rever roupas e sapatos, experimentar ...

É hora de deixar ir...

2 Comentários

"Acredito que arrumar a bagunça da vida
é como arrumar a bagunça do quarto.
Tirar tudo, rever roupas e sapatos,
experimentar e ver o que ainda serve,
jogar fora algumas coisas,
outras separar para doação.
Hora de deixar ir."

(Caio Fernando de Abreu) 

Acho que nenhuma outra citação explicaria tão bem o que tem se passado na minha vida nesse momento. Realmente, chegou a hora de arrumar a bagunça. E isso não é nada fácil. Não é fácil porque para arrumar a bagunça é preciso olhar para todas as coisas, ali jogadas, e avaliar o que vai e o que fica. É hora de deixar ir os arrependimentos, as tristezas, as magoas e tudo aquilo que não fez bem. É hora também de guardar com carinho as lembranças dos momentos bons e entender que não também não vale a pena se apegar as coisas boas do passado e esquecer de viver o agora. 

Às vezes o que nos fazia feliz ontem, não faz mais sentido hoje. A verdade é que na vida tudo muda muito rápido, nenhum momento é eterno. Os planos mudam. Paixões passam, A amizade que a gente jura que vai durar para sempre, às vezes não dura. E cabe a nós guardarmos com carinho tudo o que foi bom... e seguir em frente.

Eu sei que é muito mais fácil dizer isso (ou escrever) do que fazer na prática, mas apego em excesso não faz bem. É normal sentir saudade de algumas coisas como eram antes, mas a vida é curta demais para vivermos presos a isso. E também é curta demais para carregarmos lembranças tristes com a gente. O que passou, passou

"Então vamos viver porque tá tudo bem
Assunto resolvido isso é passado, amém
Vamos seguir em frente..."


Me acompanhe nas redes sociais:
Instagram ♥  Fanpage ♥ Twitter


Veja também

2 comentários:

  1. Que lindo, Fernanda! Passei por isso algum tempo atrás e me lembrei de tudo com o seu texto. Deixar ir é realmente difícil mas faz vir coisas muito melhores, coisas que vão acrescentar em nossa vida. As vezes estamos tão acostumados com o passado que não nos damos conta de que algo não faz tanto efeito assim. Arrisque o novo! Não vai se arrepender. Ano novo, vida nova. Clichê? Sim! Mas com certeza é a hora de mudanças.

    Amei o blog, é minha primeira vez aqui!
    Beijoss
    www.noprovadorblog.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Isso mesmo, Yanne! Adoro essa magia que um começo de ano trás. Num ano as coisas não saem como planejamos, aí o ciclo recomeça, nasce um novo ano e com ele a vontade de mudar as coisas que não nos fazem bem e começar uma vida nova.
      Que bom que gostou do blog! Beijos <3

      Excluir